sexta-feira, agosto 22

viagem incolor, em tons de azul.rosa

Procuro.te no vazio de mim, como nau perdida, sem estrela do norte, nem cruzeiro do sul,
Só a solidão me chama,
qual farol de sombras, caiado de azul...

1 comentário:

Menina_marota disse...

Vim ler-te... que as tuas cores voltem a ser de arco-íris, meu Amigo...

Beijo ;)