terça-feira, fevereiro 9

migalhas



Paro ,
no silencio da tarde abraçado ao vento dos pássaros
que esvoaçam em bando…

Migalhas,
alimento pó,
colorido…

Melodias de um nada, que me trespassam os dias…

Pedaços,
no só...da noite que não passa…

Oiço,
perto,
o vento dos pássaros…

1 comentário:

© Piedade Araújo Sol disse...

a nostalgia como pano de fundo, com uma boa foto a acompanhar.

gostei!

beij